Ato de violência…

Na semana passada um grupo de jovens agrediu um rapaz homossexual em plena avenida Paulista, no que a mãe de um deles que por ventura, tem um B.O. (Boletim de ocorrência), contra o próprio filho por agressão, chamou de brincadeira de adolescente! Fiquei imaginando que tipo de educação o jovem que estuda num colégio de alto padrão do Morumbi anda tendo, por ter estudado minha vida inteira em escola publica, sei que na periferia prevalece a lei do que pode mais! Mas o que será que leva um moleque de 16 anos que estuda num bom colégio sair por ai quebrando lâmpadas na cara dos outros? Bom se esse fosse um fato isolado, até valeria uma analise mais aproximada, mas no mesmo dia que isto ocorreu um outro jovem, também homossexual foi baleado por um sargento da marinha no forte de Copacabana no Rio de Janeiro. É de chocar a qualquer homossexual que esteja pensando em vir assistir os jogos da copa em 2014, e olha que é um dos esportes preferidos dos homens, sejam heterossexuais ou homossexuais.

Acho uma tremenda vergonha para nossa cidade que organiza uma das maiores paradas gay do mundo, estes cinco delinquentes estarem soltos. Mesmo não sendo homossexual, me tornaria um idiota se me calasse diante de tais acontecimentos, fiz um pesquisa rápida e descobrir que 198 homossexuais foram mortos no Brasil no ano passado, nosso país é o que mais mata gays no mundo. Para um país que prega a diversidade entre os povos, os nosso governantes deveriam se preocupar um pouco mais em educar as futuras gerações para vivenciarem essas diversidades. Não há nada mais hipócrita, do que se desculpar por um ato de preconceito ou descriminação, não é o pedido de desculpas desses garotos que vai apagar o trauma do gay agredido, ou do baleado. Mas quem sabe com eles passando uns dias na fundação casa, cercados por meninos do morro, que provavelmente cresceram cercados por armas, fuzil e troca de tiros, viram seus pais chegarem em casa embriagados e agredirem suas mães sem ter nem por que, nem pra que. Quem sabe depois de um choque de realidades, eles não possam entender o verdadeiro espírito da diversidade.

Diversidade, isso é muito do que falta na nossa sociedade, pessoas que tenham a mente aberta para conhecer, entender, respeitar e apreciar outras formas de pensamento, outros modelos de vida, culturas, filosofias de vida, raças, opiniões, expressões artísticas, físicas, cores e credos. Pessoas que queiram compartilhar seus valores e somar vivências, afinal todo mundo tem direito a vida, e todo mundo tem direito igual…

Autor: @robsonpnx
Imagem: Przemek Blejzyk

Anúncios

Sobre Robson Almeida

Baiano radicado em São Paulo, Paulistano de coração | Diletante da Escrita | Efémero | Lascivo | Bucólico | Butequeiro | Blogueiro | Meio Intelectual | Meio de Esquerda | Gente Diferenciada...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s