Arquivo da tag: Lei

Rabiscos!

O mesmo!

Saí correndo do trabalho, chamei o elevador com uma baita pressa. A a sineta tocou, e a porta se abriu. Apesar de distraído, percebi a centímetros do fosso que ele inacreditavelmente não estava lá. Elogiei a concentração de meus anjos da guarda.

Entendi o porquê do aviso aos passageiros (Lei 9.502): "Antes de entrar, verifique se o mesmo encontra-se parado neste andar". Às vezes, não se encontra. Seria uma queda fulminante, muitas fraturas e minha última vida.


Amar você me dá tonturas!

Eu queria te dizer que todo esse meu teatro babaca em fingir que te odeio é porque te amo demais e daí acabo tropeçando nas palavras e esquecendo dos pontos ou virgulas ou acentos e você ri porque não entende nada mesmo que eu entenda tudo até que eu acabo desistindo e perdendo o fôlego. Amar você me dá tonturas.


Plano B.

Criar expectativas é deseducar esperanças…
Se ainda temos sonhos, então ainda temos chance!
Aquilo que ela sentia no começo, meio que desmoronou no fim…
Tem cicatrizes por todo meu corpo com os pontos que você perdeu!
Tudo que você fez, foi me destruir.


Balé.

3 movimento: A queda

A queda é inevitável;
A dor é inevitável;
Amar é inevitável;

Estamos caídos no mundo esperando quem nos levante e nos tire pra dançar.


Luz de velas…

Na primeira noite, ela trouxe uma vela. Disse que ficaria a duração da chama. Uma hora depois, quando a luz se apagou, levantou-se, arrumou o vestidinho rendado e, com as sandálias na mão, se foi pela estradinha de terra. Apaixonado, comprou velas de sete dias, velas de metro e outros castiçais votivos. Mas todas duraram uma hora… Por fim, deu as mãos para o tempo, fazendo valer cada minuto juntos como se fosse o último. Desde então, dizem que a casinha de Chico tem uma luz que não se apaga.


Penalidades!

Ela só me ligava a cobrar!
Era tanta cobrança que eu me desliguei,
Hoje ela não me faz falta,
O que ela me faz é pênalti…


Terminalmente terminei!

Autor: @robsonpnx

#Indignação

Eu só quero compartilhar com vocês a minha indignação em relação a algumas noticias que vi por ai nesses últimos dias!

  1. No dia 18/11 a presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que cria a Comissão da Verdade, está comissão vai investigar violações de direitos humanos ocorridas entre 1946 e 1988, os “anos de chumbo” da ditadura militar. No entanto, mesmo que durante as investigações encontrem fotos e vídeos de torturadores em pleno exercício, nada vai lhes acontecer! Isto porque a lei de anistia brasileira é diferente das demais leis nos outros países que tiveram ditadura na mesma época. No Chile e Argentina por exemplo, os culpados foram ou estão sendo julgados, e presos pelos seus crimes. No Brasil a lei é abrangente a todos, ou seja beneficia quem cometeu, e quem sofreu tortura. Sem que esta lei seja revista, a Comissão da Verdade, é apenas a Comissão da 1/2 Verdade!
  2. O tenente-coronel Salvador Modesto Madia foi nomeado no dia 22/11 o para ser o novo comandante da ROTA, pra quem não faz a mínima ideia de quem ele seja, eu refresco a memória! Madia, segundo a denúncia do Ministério Público Estadual, era o quarto homem na linha de comando da tropa que retomou o 2.º andar do Pavilhão 9, durante o massacre do Carandiru, ele responde a processo pela morte de 76 detentos, grande parte deles com tiros nas costas, cabeça e tórax. Ele nega as execuções. “Foi confronto. Tenho certeza, tanto que deponho assim”, disse. Ele não vê problema em ser um dos acusados pelo massacre e assumir a Rota. “São atos inerentes à função do PM.”
  3. A Chevron, uma empresa petroleira americana explora 12 poços no Campo de Frade, entre eles o que apresenta vazamento de óleo desde o dia 8 de novembro. E a gente tem a Petrobras pra que mesmo? Afinal o petróleo é ou não é nosso? Ainda mais ridículo que isto, foi saber que o IBAMA aplicou sua maior multa que é de 50 milhões, valor muito defasado em relação a multas aplicadas por outros países. O ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-geral) diz que "não faltará rigor" do governo sobre o vazamento de óleo, já faltou, na fiscalização!
  4. No Senado, foi aprovado um Código Florestal que não defende a floresta, e ainda por cima anistiam quem desmatou além da conta. O que era de se esperar né, afinal de contas o que senador e deputado bem tem é fazenda, eles jamais aprovariam um lei que pudesse prejudica-los. Ou algum dia você pensou que eles pensam primeiro na população e depois neles!
  5. A FIFA quer mudar a nossa legislação e vetar a meia entrada para estudantes em 2014. E alguém ai duvida que eles vão conseguir? Não bastando isso eles querem o controle de toda a publicidade ligada à Copa e pede até a tipificação de novos crimes acompanhada pela criação de varas para julga-los. O nosso novo ministro do Esporte, Orlando Silva, é um bunda mole, que não tem o menor cacife para enfrentar o Joseph Blatter, presidente da FIFA.

Eu estou mesmo indignado com tudo isso! Tem gente afim de alugar o Brasil, e antes do inquilino chegar vamos pintar a casa, e varrer algumas sujeirinha pra debaixo do tapete! Acho também que a justiça brasileira esta mais cega do que nunca.

2acfa8361d

Seria bom se a frase dessa imagem fosse um verdade para nós brasileiros!

Autor: @robsonpnx
Imagem: Faith 47

Por que o pessoal se surpreende com o Congresso?

Recebi uma cascata de mensagens pedindo para comentar a aprovação do novo Código Florestal, nesta terça, por acachapante votação na Câmara dos Deputados. Isso sem contar as emendas que, na prática, anistiam quem desmatou além da conta.

Mas, caros leitores, vocês querem que eu fale o quê? Que a Câmara dos Deputados rifou o futuro das próximas gerações? Tá bom: a Câmara dos Deputados rifou o futuro das próximas gerações. Que a Câmara dos Deputados novamente se dobrou a interesses bizarros? Claro! Por que não? Vamos chover todos no molhado só para desopilar o fígado. Mas cadê a novidade? Ou alguém achou realmente que a maioria daquele pessoal gente boa se preocupa com as consequências dos seus atos para a qualidade de vida da coletividade? Há! Faz me rir. Não é de hoje que colocam o cumprimento de compromissos de campanha e os interesses individuais e econômicos à frente. Porque em última instância é disso o que estamos falando, pois meio ambiente é uma discussão sobre qualidade de vida e não sobre a preservação do bagre-cego-de-barba-albina-e-topete-escarlate.

Garantir uma legislação ambiental decente significa evitar os deslizamentos de terra que soterram centenas de pessoas nas chuvas, os assassinatos de trabalhadores rurais e sindicalistas (que ousaram ir contra o modelo de desenvolvimento vigente), a expulsão de indígenas de suas terras para dar lugar a pastos e carvoarias, a ignomínia do trabalho escravo — cujas histórias forjam meus pesadelos há muitos anos. Tudo isso está interligado. Se quiser saber a relação, pesquisa aí na ferramenta de busca do blog. Mas, não, preferimos contribuir com o ajuste do termostato do planeta para a posição “gratinar os idiotas lentamente”.

Sobre Aldo Rebelo, eu não comento mais. Quando alguém discorda dele, é porque está desinformado, foi vendido para os gringos, é um ambientalista perverso, torce para o Corinthians. Como Aldo já me chamou de vaca holandesa, então eu gostaria de ruminar meus parabéns a uma das mais importantes lideranças ruralistas deste país por ter conseguido o que queria. Se o Senado ou o Planalto não corrigirem o curso desse desastre, acreditem, a História não será leve com ele.

Mas, com todo o respeito: os culpados, de verdade, são todos vocês que estão lendo este texto agora, cujo deputado ou deputada votou a favor daquele texto construído sem a devida participação da sociedade (fui em uma das “audiências públicas” do projeto…lamentável). Acompanhei o que meu representante fez e participou dos debates ao longo de meses e votou contra. E o seu? Aliás, você se lembra em quem votou ou digitou os números só para ajudar o Miltinho, primo da Maria Rita, vizinha da sua cunhada — que é gente boa e te deu um picolé quando criança e agora está trabalhando para um candidato? Sim, a responsabilidade é sua também que botou aquela galera lá. Agora aguenta.

Ah, e quando desgraça começar a rolar, não vai pedir ajuda a Deus. Ele já está suficientemente envergonhado por ter uma bancada evangélica que fala em seu nome e — mais forte que um governo que rifa direitos para segurar seu ministro — luta pelo direito à homofobia, impedindo que nossas crianças aprendam e exerçam a tolerância nas escolas.

Por: Leonardo Sakamoto | Jornalista | Cientista Político | Coordenador da Repórter Brasil

Seu twitter é: @blogdosakamoto

Vai lá: http://blogdosakamoto.uol.com.br/